PNDS EM MINAS: SUINOCULTURA É DESTAQUE DURANTE FENAMILHO 2012

Entre os dias 01 e 10 de junho, a suinocultura mineira esteve representada junto aos participantes da Fenamilho 2012 em Patos de Minas através de cursos, palestras e contato direto com o consumidor final. As ações foram realizadas através do Projeto Nacional de Desenvolvimento da Suinocultura (PNDS), que acontece na região do Triângulo e Alto Paranaíba através da soma de esforços da Associação Brasileira de Criadores de Suínos (ABCS), Associação dos Suinocultores do Estado de Minas Gerais (ASEMG), Associação dos Suinocultores do Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba (Astap), Frigorífico Suinco, Sebrae Minas e Sindicato Rural da cidade.
As atividades do setor suinícola em meio a Fenamilho (Feira Nacional do Milho) –  evento que recebeu cerca de 450 mil pessoas, entre produtores rurais, comunidade e representantes das cadeias do milho, café, leite e suínos – tiveram início no dia 01/10 com a abertura oficial do estande “Mundo da Suinocultura”, um espaço de 300 m² onde informações sobre a proteína suína puderam ser visualizadas pelos  participantes do evento com o objetivo de quebrar paradigmas em relação aos mitos que cercam a carne. “A edição desse ano da Fenamilho teve como novidade o Mundo da Suinocultura cujo propósito foi divulgar a cadeia suinícola junto à população, apresentando  os seus processos de uma forma dinâmica e uma visão institucional que despertasse o interesse das crianças, pessoas ligadas à culinária, médicos, nutricionistas, comerciantes de carnes e donas de casas” explicou Cláudio Nasser, presidente do Sindicato Rural de Patos de Minas e do Frigorífico Suinco, responsável pela realização do evento.
No dia 04/06 ocorreu o seminário “Gerentes em Ação”, tradicionalmente realizado pela Astap,  que mostrou através de palestras proferidas pelos gerentes locais as boas práticas adotadas nas granjas da região. “Este seminário leva até os gerentes e produtores novidades e informações técnicas sobre o setor. É uma ação de sucesso que muito tem a somar para o desenvolvimento do dia a dia nas granjas” explicou Wladimir Fortes, diretor técnico da Astap. Ainda no dia 04/06, o Mundo da Suinocultura recebeu  o curso  “Elaboração de cortes à base de carne suína”  ministrado pelo consultor de cortes suínos, Daniel Furtado, que na mesma data falou aos telespectadores do jornal MGTV, da Rede Globo, sobre as peculiaridades desta proteína.
Fechando as atividades do dia 04, o biomédico com especialização em saúde pública e marketing, Dr. Roberto Figueiredo, conhecido nacionalmente por estrelar o quadro “Dr. Bactéria” do programa Fantástico, falou aos profissionais da saúde e formadores de opinião da cidade de Patos de Minas sobre os Aspectos Qualitativos da Carne Suína. “A palestra foi bastante produtiva. Conseguimos mostrar aos cerca de 250 participantes que diversas informações que  os mesmos julgavam verdadeiras a respeito do consumo da carne suína, não passam de mitos” disse o Dr. Bactéria.
Na manhã do dia 05/06 foi a vez das crianças estarem em foco no Mundo da Suinocultura, que apresentou a peça teatral “O Fantástico Mundo Suíno”, com o Grupo de Teatro Tupam/Unipam. Dando continuidade às atividades do setor suinícola dentro da Fenamilho, o espaço reservado à suinocultura recebeu a segunda edição do curso “Elaboração de cortes à base de carne suína”, onde profissionais de açougue e demais interessados no tema puderam conhecer os diversos cortes que podem ser  retirados à partir de uma carcaça suína, totalizando nos dois dias de curso cerca de 130 capacitados.
Na noite do dia 05, suinocultores e demais envolvidos com a suinocultura estadual participaram do Seminário Agroceres de Economia e Negócios, que contou com as palestras: Mercado de Grãos e Carnes, ministrada pelo analista da Céleres, Leonardo Menezes e a palestra magna, Os Desafios do Agronegócio Brasileiro, ministrada pelo ex-ministro da Agricultura Dr. Roberto Rodrigues. “O seminário foi muito interessante, pois nos trouxe diversas projeções e informações úteis a respeito do nosso mercado, principalmente no atual momento em que a atividade se encontra” contou José Arnaldo Cardoso Penna, conselheiro financeiro da ABCS e vice-presidente da Asemg.