ASEMG SE REÚNE COM AUTORIDADES PARA DISCUTIR QUESTÕES LIGADAS AO MEIO AMBIENTE

Estiveram reunidos na última quarta-feira  (23) na sede da Superintendência  Regional do Meio Ambiente (SUPRAM) EM Belo Horizonte , o presidente e vice da ASEMG, Dr. Antônio Ferraz e José Arnaldo Cardoso, respectivamente, o deputado estadual Inácio Franco, o consultor em meio ambiente Paulo Furtado, o  secretário de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável  de Minas Gerais, Luiz Sávio de Souza Cruz,  além de um conselheiro e da secretária executiva da AVIMIG ( Associação dos Avicultores de Minas Gerais).
Na pauta do dia as grandes dificuldades encontradas pelos suinocultores  com questões ligadas ao licenciamento ambiental.  Falta de padronização dos procedimentos entre as SUPRAM’S;  falta de padronização das condicionantes, análise de efluentes das fossas sépticas mensalmente; análise mensal da água captada em poços tubulares, análise físico-químicas dos efluentes, divergências quanto a parâmetros das análises de efluentes e do solo, dificuldade para alterar dados do sistema, exigência de via original da procuração ou cópia autenticada, inclusive de documentos pessoais, exigência de anuência de cônjuge, falta de preparo de alguns funcionários,  demora na análise dos processos de licenciamento e outorgas,  demora para autorização de poço tubular,  exigência do ART para a instalação de hidrômetro e horímetro, condicionante com exigência de fotografar hidrômetro e horímetro a cada dois meses e manter as fotos para uma possível fiscalização, exigência de leitura diária de hidrômetro e horímetro e do envio de fotografias a cada dois meses, análise de estudo prévio de impacto cultural (EPIC) e a aprovação ou não do relatório de impacto do Patrimônio Cultural (RIPC) junto a Instituição Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico de Minas Gerais IEPHA/MG, apresentação de ficha de caracterização da atividade – FCA – preenchida e protocolada no IPHAN regional de Minas Gerais de acordo com a Instrução Normativa IPHAN nº 001/2015, entre outros temas que vêm prejudicando o dia a dia da atividade de suinocultura.
“Esta foi uma reunião bastante produtiva, colocamos em pauta  nossas maiores dificuldades e fomos ouvidos com bastante receptividade pelo secretário Luz Sávio. O deputado Inácio Franco esteve ao nosso lado durante toda a reunião  e ambos os políticos se comprometeram em trabalhar para a melhoria da atual situação” contou o presidente da ASEMG, Dr. Antônio Ferraz.
Para dar andamento ao assunto os envolvidos durante a reunião se comprometeram em realizar um seminário sobre o tema. “Faremos na ASEMG,  em parceria com a Avimig, Secretaria e o apoio do deputado Inácio Franco um seminário de meio ambiente com temas a serem discutidos por produtores e também representantes da secretaria e Supram. A ideia e alinhar as necessidades e dificuldades para que possamos tornar a situação o menos complexa possível” explicou o vice-presidente da ASEMG.
O secretário também prometeu  discutir com sua equipe as reivindicações dos produtores e juntos apresentarem soluções para os assuntos que estiveram em pauta.
Fonte: Assessoria de Comunicação ASEMG